A Pimenta e seus benefícios

fruit-210106_1280.jpg

Olá meus queridos!!

Hoje vamos falar de um fruto digamos assim “meio polêmico”, porque ele é adorado por muitos e odiado por um outro tanto de pessoas. A pimenta é um alimento que ajuda a emagrecer e até a prevenir alguns tipos de câncer.

É um fruto do gênero Capsicum e que além dos citados à cima,  ajuda a proteger o sistema cardiovascular e também os dentes. A pimenta é muito benéfica para o nosso organismo por possuir atividades antimicrobiana, anti-inflamatória, ajuda a melhorar a digestão e a baixar o colesterol. Também possui efeito termogênico que ajuda a acelerar o metabolismo (ajuda no emagrecimento).

pepper-2404329_1280.jpg

Existem vários tipos de pimenta, mas as produzidas aqui no Brasil são: biquinho, cambuci, pimenta de cheiro, cumari, dedo-de-moça, jalapeño, malagueta, entre outras. Elas possuem aroma e ardência diferentes umas das outras. E enquanto mais picante a pimenta, maior vai ser a quantidade de seus princípios ativos.

A pimenta possui vitaminas (A, B, B6, C, E e K), além de potássio, cálcio, fósforo e fibras. A vitamina C vai ajudar nas defesas do organismo contra infecções e a gripe e também age com um antioxidante que ajuda neutralizar os radicais livres. Já a vitamina E, além de também ser antioxidante, ainda vai proteger contra doenças crônicas como Parkinson e Alzheimer.

habaneros-499057_1280.jpg

 

 Ela ainda possui caroteno (vitamina A). Mais ou menos meia colher de sopa da pimenta dedo-de-moça (desidratada) é capaz de substituir a necessidade diária de vitamina A. Neste caso, vai ajudar a formar uma barreira contra as infecções, também é antioxidante e ajuda a prevenir doenças como catarata, artrite, etc.

Estudos comprovam a eficácia da pimenta no emagrecimento, no combate ao câncer, que ajuda a diminuir os níveis de colesterol ruim (LDL). Ainda vai ajudar a reduzir coágulos no sangue e também reduzir  o risco de hipertensão, infarto e outras doenças cardiovasculares.

 Existem muitas variedades de consumo deste fruto como geleia, em forma de molho, de conserva, etc. Mas assim como os outros alimentos, o melhor jeito de consumir a pimenta é ela fresca, porque assim todos os nutrientes são mantidos. Principalmente as vitaminas, que podem ser perdidas nos casos à cima.

spice-370114_1280.jpg

Muito acreditam que a pimenta causa úlcera ou outros distúrbios digestivos porém, não existe nenhum estudo científico que comprove isso. Mas é recomendado para que possui úlcera ou gastrite que interrompa o consumo do fruto. Assim como nos casos de quem tem hemorróidas, porque uma grande quantidade de pimenta consumida, pode acarretar irritação no endotélio (constitui a camada celular interna dos vasos sanguíneos).

Tome muito cuidado quando for consumir a pimenta e não exagerar. O exagero pode levar a queimaduras ou bolhas na boca e na língua, náusea, alteração na respiração e vômito. Consumam com moderação.

Se você gosta de pimenta, aproveite os seus benefícios, mas em casos de excessos, procure logo um médico.
Um beijo no coração de vocês

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s